LRAP - LABORATÓRIO DE RECUPERAÇÃO AVANÇADA DE PETRÓLEO

Sinopse

O LRAP tem por objetivo estudar técnicas que propiciem o incremento da produção de petróleo, especialmente dos campos do pré-sal brasileiro. As pesquisas do LRAP focam em técnicas de injeção de CO2 alternada com água de baixa salinidade na zona de óleo. Esta técnica tem grande potencial de incremento de recuperação de petróleo. Como exemplo, podemos citar o campo de Libra, primeiro campo leiloado sob a regra da partilha da produção no pré-sal, que tem um volume recuperável de óleo estimado pela ANP entre 8 e 14 bilhões de barris. Se nós tomarmos a estimativa mais conservadora (8 bi) e conseguirmos um incremento de 1%, com as pesquisas desenvolvidas no LRAP haverá um aumento da receita bruta do consórcio em USD 4 bilhões. Este tipo de técnica aplicada a reservatórios areníticos do Mar do Norte já provou incrementar a produção em até 7%. O laboratório conta com equipamentos de medição de permeabilidade relativa trifásica (core-flood) que podem operar em pressões de até 10.000 psi e temperaturas de até 150oC, podendo reproduzir assim as mesmas condições do pré-sal brasileiro. O laboratório é coordenado pelo Prof. Paulo Couto (pcouto@petroleo.ufrj.br).